Desvitalização - Endodontia

O que é desvitalização ou endodontia?

desvitalizacao
É o processo mediante o qual se destrói a polpa dentária, ou seja, o elemento vital do dente.

A endodontia, mais conhecida como desvitalização, é a área de medicina dentária na qual se efetua a limpeza interna de um dente. O termo desvitalização nem sempre se aplica pois muitas vezes o dente já não se encontra vivo (vital), razão pela qual a endodontia, nestes casos, não implica uma verdadeira desvitalização

Se a câmara de um dente estiver infetada por uma cárie ou sofreu um impacto, em alguns casos, a única forma de tratar o dente é através de endodontia ou desvitalização.
Quando a cárie atinge a polpa só existem duas opções:desvitalizar ou extrair. Numa cárie profunda ou provocada por outros ferimentos os tecidos moles de um dente podem ser infetados. No tratamento endodôntico, o dentista remove o tecido danificado ou infetado substituindo-o por um enchimento especial que suportará a estrutura dentária restante.

Tratamento endodôntico - Desvitalização

A endodontia ou desvitalização de um dente consiste em limpar o canal e preencher com um material biocompatível de modo a selar o dente desde a câmara pulpar até à ponta da raiz.

Após o tratamento, a dor desaparece. A desvitalização incompleta é uma das causas do aparecimento de quistos, infeções e consequentemente extrações.

CárieAbcesso e Cárie
cárie abcesso e cárie
 
desvitalização

Quando se faz uma desvitalização?

  • Quando uma cárie está próximo do nervo do dente e a pessoa sente dor;
  • Quando se tem muita sensibilidade com o frio ou com o calor;
  • Em dentes parcialmente destruídos cuja reconstrução exige um espigão (pequeno parafuso de metal ou de fibra de vidro) para melhor reter a restauração;
  • Em dentes anteriormente restaurados, posteriormente fraturados e cujo diagnóstico seja uma coroa fixa de cerâmica sobre dente.

Como se faz uma desvitalização ?

A desvitalização é feita geralmente em várias sessões. As múltiplas sessões ajudam a avaliar a resposta do dente ao respetivo tratamento.

É uma intervenção dolorosa?

Atualmente, desvitalizar um dente não é um procedimento doloroso. Existem exceções, infeções ou inflamações severas subjacentes, que devem ser previamente controladas com medicação adequada procedendo-se ao tratamento posteriormente.

Indicações da necessidade de desvitalização.

  • Sensibilidade a alimentos quentes e frios;
  • Dor aguda ao trincar;
  • Cárie profunda;
  • Ferimento que crie um abcesso (infeção) no osso.
 

Fases da Desvitalização

  • Remoção da cárie (caso exista) para evitar contaminação dos canais do dente. Retira-se tecido dentário até encontrar os canais que se encontram na raiz do dente responsáveis pela dor e sensibilidade;
  • Para a remoção do nervo dos canais radiculares utilizam-se “limas “que são introduzidas com movimentos circulares com o objetivo de os limpar. As limas têm vários tamanhos e espessuras assim como os canais;
  • Após limpeza dos canais é feita uma radiografia com as limas introduzidas. Esta radiografia determina o comprimento do canal;
  • Em cada limpeza do canal este é irrigado com o produto desinfetante, soluto Dakin (hipoclorito de sódio);
  • O canal é alargado com limas até se encontrar a dimensão ideal para o encher com o material de obturação que vai substituir o nervo removido.
  • No canal, depois de seco, introduzem-se cones de borracha embebidos em material biocompatível que se denominam de Guta-percha.

Após estes procedimentos o dente é restaurado para recuperar a sua funcionalidade

Depois da desvitalização a sensibilidade e a dor desaparecem.

E06.397
Endodontia
Tempo Tratamento
30 a 60 Minutos
Contra Indicações
Inexistentes
Nº Tratamentos
1,2 ou 3
Preços Desvitalização
Tratamento Endodontia - Desvitalização
Dente com um ou dois canais80,00 €
Dente com três canais100,00 €