Clínicas VitaCentro

Contactos       Lisboa       Setúbal       Porto

Pedido de Contacto Telefónico

Horário funcionamento:
2ª a 6ª : 10h00 → 19h00
Sábado: 09h00 → 13h00

Pedido de Contacto Telefónico

A sua mensagem foi enviada, entraremos em contacto o mais rapidamente possivel

Escovar os Dentes

Técnicas corretas para escovar os dentes

Adolescentes e adultos

  • Incline a escova em relação à gengiva num ângulo de 45º e execute pequenos movimentos horizontais e vibratórios, tipo vaivém ou circulares, de modo a que os pelos da escova limpem o sulco gengival (espaço que fica entre o dente e a gengiva). Faça cerca de dez movimentos nas superfícies dentárias abrangidas pela escova;
  • A escova deve abranger dois dentes de cada vez;
  • Escove com uma sequência que permita que todas as superfícies dentárias sejam escovadas;
  • Escove suavemente as superfícies exteriores (do lado da bochecha) e interiores (do lado da língua);
  • Escove as superfícies de mastigação, fazendo movimentos curtos tipo vaivém;
  • Escove a sua língua suavemente, desde a base em direção à ponta, de modo a remover as bactérias e a refrescar o seu hálito;
  • E nunca é demais reforçar: a escovar dos dentes demora no mínimo 2 minutos

Crianças até 5 - 6 anos

O início dos hábitos de higiene oral deve ocorrer imediatamente após a erupção do primeiro dente;
Com movimentos suaves de rotação sobre cada face dentária e em todas as faces, seguindo uma sequência de dente a dente;
No final pode ser executada a escovagem da língua, desde a base até à ponta.
Para incentivar o hábito diário de higiene oral, nas crianças, além de escovas macias também se podem escolher várias cores, desenhos coloridos, pastas com sabores.

Que escova devo usar?

Existe alguma tolerância na escolha de uma escova de dentes, cada pessoa em função das suas características físicas adapta-se melhor ou pior a uma determinada escova, no entanto, a maior parte profissionais de saúde oral concorda que uma escova macia é a melhor para remover a placa bacteriana e os restos alimentares dos dentes. As escovas com cabeças pequenas também são as preferidas, podem chegar mais facilmente a todas as áreas da boca sem provocar lesões, incluindo os dentes posteriores de acesso mais difícil.

escovas de dentes

Cuidados a ter com a escova de dentes

A partilha de escova de dentes pode causar a transmissão de micro-organismo, por isso é fundamental que não a partilhe com ninguém. Para garantir que a sua escova de dentes esteja sempre nas melhores condições deve substitui-la em cada dois ou três meses ou quando observar sinais de desgaste nas cerdas. As capas protetoras nem sempre são a melhor solução para as guardar; a caixa cria um ambiente quente e húmido favorável ao desenvolvimento de bactérias e à proliferação de micro-organismos. O ideal é que passe a escova por água morna, após a sua utilização, pousando-a numa posição vertical com o objetivo de a secar. Antes de cada utilização passe sempre a escova por água para retirar eventuais resíduos alimentares que possam estar depositados entre as cerdas da escova. Consulte e informe-se com o seu médico dentista sobre a melhor escolha sobre a sua escova de dentes. A informação credível do profissional de saúde irá esclarece-lo sobre esta e outras matérias relacionadas com a preservação de uma boa saúde oral.

As escovas de dentes devem ser substituídas com regularidade, o tempo de utilização não deve exceder os 3 meses